Butantã: audiência discute mobilidade na Raposo Tavares

No próximo dia 19, a partir das 19h, a Câmara Municipal de São Paulo sediará, no auditório Prestes Maia, audiência pública para discutir possíveis soluções para o desafio da mobilidade na Rodovia Raposo Tavares, no trecho urbano entre os kms 10 e 50, que passa por cidades como São Paulo, Cotia, Vargem Grande e São Roque, além dos bairros do Butantã e da Granja Viana.

A audiência, solicitada pelo vereador Eliseu Gabriel (PSB) será promovida pela Comissão de Administração Pública da Câmara de São Paulo.

Construída para conectar a cidade de São Paulo a outros municípios, como Cotia, a rodovia Raposo Tavares funciona hoje como uma grande avenida, lançando grande volume de veículos sobre vias que não comportam tal fluxo, na chegada à cidade.

Como resultado, gigantescos congestionamentos diários causam enorme transtorno não só aos que trafegam por ela, mas também aos que vivem em bairros do entorno e no caso de Cotia, que é dividida ao meio pela rodovia, é quase impossível o deslocamento sem utilizar a Raposo.




“A tendência é de piora, considerando o crescente adensamento populacional ao longo da rodovia e a falta de transporte coletivo e não motorizado para atender a essa população”, argumenta o vereador.

Segundo ele, o município de São Paulo tem propostas para resolver o problema “mas as informações para a população são escassas e desencontradas”

Gabriel quer saber nesta audiência, quais são as propostas e qual o cronograma de desenvolvimento das mesmas e de que forma essa medidas atenderão a população afetada. Para ele, só a partir dessas informações é que todos os envolvidos, governantes, poder legislativo e comunidade poderão começar a discutir as soluções.

Fonte: Cotiatododia





Deixe seu comentário