Projeto Projeto Cinema na Grama, realizado na USP, promete agitar estudantes no Butantã

Para que poltronas quando há grama fresca para se sentar? A Tenda Cultural Ortega y Gasset, na USP, recebe a programação de “Cinema na Grama” até o dia 21 de fevereiro.

A mostra exibe diariamente, sempre às 18h, documentários sobre a Tropicália, a ditadura militar, o cantor Raul Seixas, o grupo Os Doces Bárbaros e o nascimento da universidade mais conceituada do Brasil. A entrada é gratuita.

Confira abaixo a programação:


19/2, às 18h – O nascimento da USP

O documentário acompanha os fatos que marcaram a criação da USP em 1934 e os esforços para consolidá-la, em seus primeiros anos. Conta com raros depoimentos de personalidades, que participaram deste período como Fernando Azevedo, Levi Strauss, Pierre Mombeig, Antonio Candido e muitos outros.

19/2, às 18h – Os Doces Bárbaros

O documentário acompanha os fatos que marcaram a criação da USP em 1934 e os esforços para consolidá-la, em seus primeiros anos. Conta com raros depoimentos de personalidades, que participaram deste período como Fernando Azevedo, Levi Strauss, Pierre Mombeig, Antonio Candido e muitos outros.

21/2, às 18h – Raul: O Inicio, o Meio e o Fim



O filme desvenda por meio de imagens raras de arquivo, encontro com familiares, conversas com artistas, produtores e amigos, a trajetória da lenda do rock nacional, Raul Seixas. Um homem que queria viver da sua obra e morreu por ela. O início, o fim e o meio se confundem, porque a história não acabou.

Serviço
O que: Cinema na Grama
Quando: diariamente até 21/02 (Sex) às 18:00
Quanto: Nada
Onde: Tenda Cultural Ortega y Gasset (USP)
Endereço: Rua do Anfiteatro, s/n – Butantã – Oeste

 

 

Projeto Projeto Cinema na Grama, realizado na USP, promete agitar estudantes no Butantã
Avalie!




Deixe seu comentário